PALEÃO

Musica Moderna Paleão
1ºConcurso Musica Moderna
2ºFestival Musica Moderna
3ªMostra Musica Moderna
4ªMostra Musica Moderna
5ªMostra Musica Moderna
6ªMostra Musica Moderna
7ªMostra Musica Moderna
8ªMostra Musica Moderna
9ªMostra Musica Moderna
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Produção
Elaborado por
Livro visitas

 

5ª MOSTRA DE MÚSICA MODERNA DE PALEÃO

 

 

Cartaz da 5ª Mostra Música Moderna de Paleão

 

 

      1ª Sessão - Sábado, 15 de Maio de 2004      

 

 

Oxidrosa - Póvoa de St. Iria

	Projecto de originais iniciado em 1998.
	Registos:
		- História que não contas - 1999;
		- Recados - 2002;
		- Transparente – 2004.

 


Sutzu - Loures

 

        Sutzu (origem de nome numa lenda japonesa que tinha haver com a purificação de males de amor e é neste carácter intimista que apresentam as emoções humanas através da música).
       Os Sutzu são uma banda de Lisboa, formada em Setembro de 2003, com um som entre o trip-hop e o rock electrónico, composto por ritmos electrónicos e tribais, guitarras fortes e melódicas e ambiências densas, misteriosas e obscuras, envolvidas pela voz quente e intimista da Tânia Costa, um dos grandes trunfos da banda.
      A banda de Lisboa cria sonoridades que remetem para um universo onírico baseado em experiências e sentimentos pessoais.
Na 5ª Mostra de Música Moderna de Paleão-Soure, foram a banda mais apreciada na 1ª sessão, arrecadando o 1º lugar nas preferências do júri.

 

 


Slapdash - Coimbra

 

     Nascidos em Coimbra em 1999 com o nome de The Slang, os Slapdash são uma banda que se assume essencialmente como praticante de Rock’n’Roll, notando-se aqui e ali, quase sempre, alguma tendência para acelerar o ritmo.
     Registos:
         - A Hollow Scream (1999)
         - Demo 2003 (2003)
         - Retalhos(2007)

 

 


One Hundred Streps - Setúbal

 

     Música é energia, é emoção, sentimento, é partilha, dar e receber.
Portugueses, naturais de Setúbal, os One Hundred Steps eram anteriormente conhecidos como FAKe.
     Juntos há já alguns anos, esta ultima formação apareceu com este novo nome há aproximadamente dois anos.
Rock’n’Roll pesado e um sentido ilimitado para melodia é o que a banda mostra.
    Registos:
       - Demo "In Conformity Lies the Happy One" - 2000.
       - Demo "You´re a Lovely Victim of Emotional Chaos" 2005.
       - The eyes of Laura Mars – CD 2006 (ed. autor).
       - Human Clouds - CD 2008.

 

 


Spiteful - Leiria

 

    A formação da banda data de 1999.
    Os SPiTEFUL, de Leiria, pretendem reanimar e recriar o thrash metal português e o culto pelo som de peso.
    Registos:
        - Maquete “Spiteful” - Julho de 2001.
        - Single “piece of mind” 2001
        - EP 'Upheaval' - Agosto de 2003 (ed. Autor).

 

Banda vencedora da 1ªsessão foi:

Sutzu - Loures

 

 

 

      2ª Sessão  - Sábado, 22 de Maio de 2004      

 

 


In Pacto Sagrado - Póvoa do Varzim

 

       Projecto de Originais iniciado em 2001. Naturais de Póvoa de Varzim orientam-se por uma linha musical onde prevalece o rock.

 

 


Rope - Matosinhos

 

       Os Rope são um projecto de originais formado em 2003, no Porto.
       Registos:
       - Maqueta gravada em Nov./Dez. de 2003 no Estúdio IM - Matosinhos.

 

 


Unified Theory - Seixal

      Os Unified Theory, banda de metal progressivo, uniram-se em Janeiro de 2003.
      Inicialmente constituídos pelos elementos Bruno Morais (baterista), Luís Anjos (guitarrista) e André Gouveia (baixista), esta banda sofreu alterações resultando na constituição que hoje existe. Em Fevereiro, Paulo Pacheco vem ocupar o lugar vago na voz, juntamente com Nuno Tavares nas teclas. Daniel Martins vem posteriormente substituir André no baixo.
      A primeira actuação ao vivo da banda aconteceu em Junho de 2003.
      Os Unified Theory entram no novo ano de 2004 com uma Demo (Prison) que reflecte todo o seu trabalho e empenho.
     São os grandes vencedores, em termos de crítica, da 2ª Sessão da 5ª Mostra de Música Moderna de Paleão-Soure.
     Em permanente evolução, esta jovem banda procura em tempos difíceis uma sonoridade original, um lugar no mundo da música com espaço para fazerem o que mais gostam...tocar, dar, e sentir.
     Registos:
     - "Prison" – demo 2004.

 

 


Dr. Salazar - Amadora

 

        O Projecto teve início em Outubro de 2001 abordando a guerra do ex-Ultramar Português e de uma forma geral o regime político de Salazar. Máquinas / Loops, guitarras pesadas, vozes grunhidas, marcação rítmica incisiva e o relato da guerra, o massacre, a tortura, as minas e as consequências irreversíveis.
        Sem nenhuma ligação a associações Neo-Qualquer coisa e sofrer na pele os efeitos da escolha do nome, desenvolveram apenas o trabalho de criação enquanto músicos abordando coisas violentas e desagradáveis que outros preferem calar. Outras guerras e outras violências estarão também no painel da abordagem da banda. Apesar das dificuldades que têm vindo a encontrar pela adopção do nome “Dr. Salazar”, continuam a recomendar que sejam lidos os textos e que o seu trabalho seja apreciado de uma forma isenta, certamente se perceberá que não fazem a apologia do ditador mas sim a abordagem de aspectos que quer queiramos ou não, têm reflexos nos dias que vivemos.

Banda vencedora da 2ªsessão foi:

Unified Theory - Seixal

 

 

Textos: Bandeira in paleao-musicamoderna.blogspot.com

www.paleao.net ©  2001-2013  - Todos os direitos reservados