PALEÃO

Norte e Soure C.S.C.D.P.
Futebol - Sua historia
Futsal
Futebol - Veteranos
Rancho Típico de Paleão
Inaug. da Casa Operário
Projecto da Casa Operário
Inaug. Campo Cordeiro 
Norte e Soure - 50 anos
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Produção
Elaborado por
Livro visitas

 

 Norte e Soure - Centro Social Cultural e Desportivo de Paleão

     

 

    Falar de Paleão e não falar do Norte e Soure, quem não conhece este grandioso clube?

    Parecia descabido que num centro como este, de homens rijos e de boa têmpera, não se desse impulso às actividades desportivas criando nas pessoas de Paleão uma mentalidade sã num corpo são.

 

Equipa do Norte e Soure no ano 1958

 

    

   O Clube foi fundado em Maio de 1954, com o nome de Clube de Desportos e Educação Física do Norte e Soure, nunca se esqueceram as actividades desportivas, sendo de salientar o futebol.

    Filiado na Associação de Futebol de Coimbra desde 20 de Julho de 1955, iniciou a secção de futebol na época de 1955/56 no Campeonato Distrital da l Divisão, para o qual concorreu com duas equipas: a equipa de honra e a equipa de reservas. 

    A partir da época de 1956/57 entrou para o  Campeonato Nacional da III Divisão, donde veio a ser excluído na época de 1958/59.

    Em 1958/59 conquistou a secção de futebol a "Taça de Disciplina"  do Mundo Desportivo. Mas não se ficou por aqui. Logo na época seguinte voltou ao Campeonato Nacional, procurando não só honrar as cores do clube como o próprio distrito de Coimbra.

 

Campo do Cordeiro. 05 de Maio de 1964

Equipa do Norte e Soure no ano de 1963/1964

Em cima: Américo(massagista), César Luís, Gante, Brás, Herculano, Martins, Duarte, Severino, Raul Silva.
Em baixo: Rocha, Rosário, Tomané, Salvado, Joaquim.

(...)

    Na época 1969/70 a equipa foi campeã regional de Coimbra, subiu a 3ªDivisão Nacional, onde permaneceu durante alguns anos. 

Campo do Cordeiro. 28 de Dezembro de 1969

Equipa do Norte e Soure na época de 1969/70

Em cima: Rangel, Viana, Jacob, Mário, José Augusto, Araújo, Alhau, Viana(Dirigente).
Em baixo: Amaro Jorge, Moreira, Bacalhau, Trindade, Nuno. 

 

(...)

 

    Na época 1986/87 foi campeã da III Divisão do Campeonato Distrital de Futebol da Associação de Futebol de Coimbra.

Equipa do Norte e Soure na época de 1986/87.

 

    A secção de futebol do Norte e Soure com muita pena das pessoas que gostam deste clube, terminou na época 1993/94, devido ao elevado número de dívidas, ficando para recordação perto de 40 anos de muitos êxitos, e muita saudade... 

    Actualmente antigos jogadores de futebol do Norte e Soure são pessoas conhecidas no "mundo" do futebol, alguns dos exemplos são: Dr. Nuno (Médico das selecções Nacionais), Dr. João TrindadeDr. Jorge Ramos (Ambos juizes da Comissão Disciplinar da Liga Portuguesa de Futebol), este último, numa entrevista ao Jornal Record (em 14 de Abril de 2001), não se esqueceu do clube, tendo afirmado: «O juiz que lidera a CD recorda ter jogado "numa equipa chamada Norte e Soure. Fomos campeões regionais de Coimbra e depois actuámos na III Divisão, contra o Alverca e outras equipas que agora andam em escalões superiores. O dr. João Trindade jogou comigo nesse clube, jogou quase até aos 40 anos. Foi um profissionalão", gracejou. Relembrando os tempos de juventude, Jorge Ramos reconhece que chegou "a ganhar umas massas" com o futebol. "Há cerca de trinta anos dava muito dinheiro. Ganhava três ou quatro contos por mês, o que era bem mais do um ordenado mínimo, com somente dois treinos por semana. De resto, até nos iam buscar de camioneta a Coimbra. Era um luxo." A entrada para a CD aconteceu em 1996 e, quando António Mortágua abandonou o órgão, foi o núcleo duro composto por Jorge Ramos, João Trindade e Brízida Martins quem tratou de cooptar os companheiros que completam o elenco.».

   Além destes jogadores que são conhecidos pela maioria das pessoas, passaram por este clube muitos homem, que jogavam futebol só por amor á camisola, o que hoje é raro encontrar.

www.paleao.net ©  2001-2013  - Todos os direitos reservados